Guia Prático

Reportagens

Envie para um amigo Imprimir
Alfabetização

Como se escreve seu nome?


Trabalhe a alfabetização a partir de textos significativos abordando a leitura e escrita do próprio nome das crianças


Por Eloísa Bombonatti

 

Objetivos:
Reconhecer o próprio nome em situações diversas
Aprender a registrar seu nome em suas produções ou material pessoal
Desenvolver habilidades de leitura e domínio do sistema alfabético
Faixa etária: 3 a 6 anos

 

 

 

* Eloísa Bombonatti é psicopedagoga, escritora de livros didáticos para a Educação Infantil, Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos e assessora editorial da obra Voo Mágico, de Educação Infantil, pela editora Escala Educacional.

 

 

Como já tratamos anteriormente, o trabalho com textos significativos traz toda a informação e oportunidades necessárias para o ensino e a aprendizagem da leitura, da escrita e do sistema alfabético de representação escrita de nossa língua. Nada pode ser mais significativo para qualquer ser humano do que seu próprio nome. É ele que lhe confere a identidade e o distingue dos outros indivíduos, além de ser a palavra mais conhecida dos pequenos e trazer uma forte carga afetiva, aspecto importantíssimo quando se trata de alfabetização. Quando tratamos do reconhecimento do número de letras que cada nome possui, da identificação de suas letras iniciais, do reconhecimento das vogais e consoantes que o compõem e dos sons que distinguem o nome de alguém em relação aos outros, estamos trabalhando com o processo de alfabetização.

Sugerimos a seguir atividades que trabalham desde a identificação do próprio nome com alunos a partir de três anos até a escrita dos nomes e o reconhecimento dos nomes dos colegas por crianças em estágios mais desenvolvidos em relação à alfabetização.

 

Dica de leitura!
Escrever e Ler – Volumes I e II – Materiais e Recursos para a Sala de Aula
Autores: Lluís Maruny Curto, Maribel Ministral Morillo, Manuel Miralles Teixidó
Editora: Artmed
Preço: R$ 71,00 (volume 1) e R$ 75,00 (volume 2)
Onde encontrar: www.grupoa.com.br

Psicogênese da Língua Escrita
Autora: Ana Teberosky e Emília Ferreira
Editora: Artmed
Preço: R$ 57,00
Onde encontrar: www.grupoa.com.br

Diário de Classe
Autor: Bartolomeu de Campos Queirós
Editora: Moderna
Preço: R$ 29,00
Onde encontrar: www.editoramoderna.com.br

 

 

 

Objetivos:
Reconhecer o próprio nome em situações em que é necessário, como na lista dos alunos da sala, no material pessoal, na cadeira ou mesa, no cabide, nas pastas etc.
Valorizar a necessidade da leitura e da escrita do nome
Faixa etária: a partir de 3 anos

 

 

Identificação do próprio nome

Materiais:
Cartaz de pregas
Listas na parede com os nomes dos alunos
Cartões iguais em tamanho e cor, sem desenhos, com o nome escrito em letras maiúsculas

 

1. Rotule o material pessoal, em maiúsculas e em presença do próprio aluno, indicando que assim se escreve seu nome.
2. Escreva o nome da criança em diversos cartões, sempre na presença dela, e fixe em diversos locais que ela utiliza na sala de aula: sua cadeira, seu lugar à mesa, seu cabide e em outros locais que seja de seu uso exclusivo.
3. Ajude a criança a reconhecer seu nome em diversas situações: mostrelhe apenas seu nome primeiro, depois mostre-o entre poucos nomes e peça que ela o identifique, e por fim entre todos os da classe numa lista.
4. Dê pistas para que a criança o reconheça: número de letras, letra inicial, quais são as vogais que o compõe etc.
5. Depois que todos passaram por essas etapas, você poderá passar para a atividade da lista de chamada.

 

Dica esperta!
Faça lista de diferentes usos, como chamada diária, aniversariantes do mês, ajudantes da semana, alunos que participam de determinadas oficinas ou atividades, professores da escola etc.

 

 

PÁGINAS :: 1 | 2 | 3 | Próxima >>

News do Professor

Receba sempre em primeira mão nossas novidades e conteúdo exclusivo.