Guia Prático

Arte

Envie para um amigo Imprimir

Releitura artística


Traga mais flores para o outono das crianças trabalhando a obra de Candido Portinari


Por Vanessa Prata

Objetivos:
Adquirir elementos para apreciação de uma obra de arte
Construir uma releitura de obra consagrada
Perceber o uso das cores como estratégia para criar contrastes e noção de profundidade
Reconhecer diferentes formas de representação de um mesmo ser ou objeto
Expor ideias e impressões a partir de uma obra de arte
Identificar, valorizar e respeitar a diversidade das produções individuais

Faixa etária: 4 anos
Duração:
4 aulas de 1h


C
andido Portinari
é um dos principais artistas do Modernismo brasileiro, tendo pintado quase 5 mil obras, incluindo temas sociais, religiosos, históricos e elementos da natureza, como é o caso da obra Flores. Esse quadro foi escolhido pela educadora e especialista em gestão escolar Maria Raquel Duarte Pedrosa Dourado, de São Paulo (SP), para inspirar uma atividade de releitura da obra.

Materiais:
Reprodução grande da obra Flores, de Candido Portinari
Folhas de sulfite brancas
Folhas de papel cartão colorido
Lápis nº 2 e borracha
Tesoura e cola
Guache colorida

Releitura da obra Flores (1941), de Candido Portinari

Primeira parte:
observação

1. Organize as crianças em círculo.
2. Apresente a reprodução da obra (em tamanho que as crianças possam observar detalhes).
3. Peça às crianças que contem suas impressões sobre a obra: o que estão vendo? O que sentem ao observá-la (amor, raiva, paz, sossego etc.)? Como são as flores? Todas são iguais? O que há de diferente entre elas? E as cores, dão sensação de quente ou frio? Onde estão as cores mais claras? E as mais escuras? Caso o pintor usasse uma cor mais escura atrás do vaso, como ficaria a pintura?
4. Faça intervenções que permitam às crianças reconhecer os recursos utilizados pelo artista para expressar-se: cores, formas, posição; e o quanto isto interfere na maneira como o observador interpreta a obra.

Releitura da obra Flores, feita por Gabriel José Duarte Pedrosa Dourado, filho da educadora Maria Raquel

Segunda parte:
mãos à obra!

1. Proponha às crianças que cada uma reproduza a obra observada levando em consideração tudo o que foi falado na roda de apreciação.
2. Peça que as crianças pintem uma folha de sulfite branca com o dedo, de uma só cor, para formar o fundo da tela (atrás do vaso).
3. Enquanto a folha seca, peça às crianças que desenhem em outra folha de sulfite o vaso e as flores e pinte-os também com guache, utilizando o dedo. Acompanhe a opção das crianças quanto às cores e, se necessário, faça intervenções relembrando o que foi discutido no grupo.
4. Após estarem secas, solicite às crianças que recorte as flores e o vaso para montagem do quadro.
5.Com as figuras recortadas, as crianças as dispõem sobre a folha de sulfite pintada, observando a organização espacial. Se necessário, retorne ao quadro de Portinari para que eles tenham um apoio visual. Determinada a disposição, peça às crianças que façam a colagem.
6. Após terem colado o vaso e as flores, disponibilize as tintas para as crianças para que elas complementem sua obra, caso achem necessário.
7. Quando o trabalho estiver seco, cole sobre um pedaço de papel cartão colorido, mantendo uma margem de 2 cm que servirá como moldura.

Para concluir a atividade
Exponha os trabalhos próximos à obra de inspiração. Novamente, reúna as crianças e peça que observem como cada um fez a sua releitura e como elas são diferentes entre si, apesar de terem sido inspiradas na mesma fonte. Este é um momento oportuno para que as crianças reflitam como todos somos diferentes uns dos outros e, assim, cada um absorve de uma forma o que o artista propôs e faz uma produção diferente, mas que tem o mesmo valor.


Você sabia?
Candido Portinari nasceu em 1903, numa fazenda de café em Brodowski, interior de São Paulo, e morreu em 1962, no Rio de Janeiro. A cidade natal do artista mantém um museu sobre o artista, a Casa de Portinari. Saiba mais em www.casadeportinari.com.br.
Dica esperta!
Em 1979, foi criado na PUC/ RJ o Projeto Portinari, que documenta toda a vida e a obra do artista. No site www.portinari.org.br, é possível ver a reprodução das obras, ler textos e até brincar com a garotada na sessão Portinari para Crianças. Confira!

News do Professor

Receba sempre em primeira mão nossas novidades e conteúdo exclusivo.