Guia Prático

Reportagens

Envie para um amigo Imprimir
Nutrição

4 sentidos na alimentação


Trabalhe o olfato, paladar, visão e tato com as crianças para elas aprenderem a identificar os alimentos


Por Tatiane Vanessa de Oliveira

Objetivos:
Identificar os tipos de frutas e legumes por meio do tato, olfato e paladar
Detectar as preferências alimentares das crianças e o sabor que mais agrada
Trabalhar alguns conceitos sobre a importância das frutas, verduras e legumes para a saúde

Faixa etária: 3 a 6 anos
Duração:
30 a 40 minutos



"E
u não gosto!"
Quantas vezes pais e professores ouvem as crianças dizerem que não gostam de determinadas frutas, verduras ou legumes sem ao menos terem experimentado? Com as atividades propostas abaixo, conseguese fazer com que a criança prove diferentes tipos de alimentos e ao mesmo tempo identifique suas preferências de forma divertida. Todas as atividades sugeridas proporcionam a identificação dos alimentos e estimulam o conhecimento e o interesse das crianças por alimentos mais saudáveis, que muitas vezes estão fora da sua alimentação habitual.

Dica de leitura!
Combustível para o corpo Coleção O Futuro Cidadão - Escala Educacional
Este livro explica de maneira clara a importância da alimentação para nossa saúde e como ela determina nosso ritmo no dia a dia. Característico da coleção, Combustível para o corpo tem linguagem leve e bem acessível, ideal para abordar importantes temas e trazer divertidas lições aos pequenos leitores.
Autor e ilustrador: Newton Foot
Assuntos: educação alimentar, vida em sociedade
Preço:
R$ 19,90
Onde encontrar: www.escalaeducacional.com.br

Cobra-cega: "Que alimento é esse?"

Materiais:
Frutas e legumes cozidos
Saco plástico ou de pano
Faixa para vendar os olhos

Atividade:
1. Divida as crianças em grupos.
2. Coloque as frutas e legumes in natura na sacola.
3.
Escolha uma criança por rodada e vende os olhos dela.
4.
Tire um alimento da sacola, sem escolher, e mostre para o restante dos alunos pedindo para eles não dizerem nada.
5.
O alimento será avaliado de três formas pela criança com os olhos vendados: odor, paladar e tato.
6.
Primeira tentativa (odor): aproxime o alimento in natura do nariz da criança para ela sentir o cheiro e pergunte que alimento é. Se ela acertar, ganha três pontos, se errar, siga para a segunda tentativa.
7.
Segunda tentativa (paladar): a criança deve comer um pedaço do alimento, neste momento anote se ela gostou ou não e o sabor que ela descrever (amargo, doce, salgado). Se ela acertar, ganha dois pontos, se errar siga para a terceira tentativa.
8.
Terceira tentativa (tato): deixe a criança segurar o alimento que foi retirado do saco. Se ela acertar ganha um ponto.
9. Ganha a brincadeira o grupo que fizer mais pontos.

Comentário
Destaque para as crianças a importância de experimentar os alimentos antes de dizer que não gostam. Exemplifique com algum alimento que as crianças não gostavam e após terem experimentado disseram ter gostado.

Tabela de pontuação e anotações da brincadeira

As práticas alimentares adquiridas na primeira infância, por imitação e condicionamento principalmente, ficam profundamente arraigadas no indivíduo e são difíceis de modificar. É neste contexto que se observa a importância da escola na conscientização das crianças a praticarem hábitos alimentares saudáveis.
Tatiane Vanessa de Oliveira

Dica esperta!
Misture na brincadeira diversas frutas ou legumes de que as crianças gostam e não gostam (ou dizem que não gostam).

* Tatiane Vanessa de Oliveira é nutricionista (CRN3 - 18797), doutora em Ciências (USP) e sócia-diretora da Via Nutricia - Consultoria & Assessoria Nutricional. Site: www.vianutricia.com. br. E-mail: tatianeoliveira@ vianutricia.com.br

PÁGINAS :: 1 | 2 | Próxima >>

News do Professor

Receba sempre em primeira mão nossas novidades e conteúdo exclusivo.